Menu:
30/mar

Yay! Mesmo chegando a algumas horas do Dia do Fã terminar, cruzei à porta da Estação Ciência a tempo de participar de um sorteio do fandom que representava o filme que alavancou números altíssimos de bilheteria no final de semana de estreia, Jogos Vorazes. Claro que não ganhei nada, minha irmã faturou dois pôsteres, sendo que mal havia ocupado a poltrona do auditório. Também não ganhei nada de Percy Jackson e os Olimpianos e fugi do quiz de Supernatural – algo que realmente achava que conseguiria ganhar o brinde.

 

Choradeiras a parte, foi minha primeira vez no evento e realmente fiquei abismada. Quando você vê aqueles adultos, na faixa dos 30 anos, fãs de Star Wars – por exemplo –, em séries de televisão, enlouquecidos por algo do mundo nerd, você pensa seriamente que essas pessoas não existem. Mas elas existem e em massa. Me senti em um episódio de The Big Bang Theory, de verdade!

 

E, o mais legal, é que esses fãs ensandecidos foram super simpáticos e mostraram o quanto são engajados no fandom do qual são apaixonados. Assim que cheguei, fiquei perdida porque queria ver tudo de uma vez só, até pedir para que minha mente ficasse calma ou não conseguiria aproveitar o pouco tempo que me restava.

 

Logo na entrada, não consegui esconder minhas exclamações de felicidade. Eu me sentia como uma criança, entrando em um parque de diversões pela primeira vez. O stand de Jogos Vorazes foi o primeiro avistado e, ao lado dele, estava o de Supernatural. Foi muito para meu coração de fã suportar. E, o mais tenso, é ter aquela vontade de pegar tudo que aqueles fã-clubes possuíam sobre as mesas e sair correndo. Revistas importadas, livros de edições especiais, adesivos, objetos que os personagens usam – nem queria o broche de tordo da Katniss, nem o colar que o Dean Winchester usa em SN, nem o Impala muito bem protegido por uma redoma de vidro e nem a TARDIS e os Daleks no stand de Doctor Who –, coisas de colecionadores fanáticos. Só de olhar tudo aquilo, pensei: poxa, eu costumava ser assim até ter salário de estagiária.

 

Caminhando um pouco mais, eis que encontro o stand de Harry Potter. Eu queria pegar para mim aquela miniatura grandiosa – literalmente – do castelo de Hogwarts, também protegida por aquele vidro sacana. Eu estava tão imersa nas coisas que me fazem uma potterhead que não dei atenção para o que estava ao lado.

 

Lógico que era o stand do meu amado Doctor Who, com a TARDIS que tanto quero e meus lindinhos Daleks mudos, sem gritar exterminate. Dei uma passadinha também no stand de O Senhor dos Anéis, Percy Jackson, Star Wars e Star Trek. Esse último, era de causar inveja a qualquer outro, pois quem fosse o dono de todos aqueles bonecos, pôsteres dos personagens de papelão, naves, merece meu aplauso e meu respeito.

 

Passeando pelo local, meus olhos brilharam com os cosplayers. Claro que tinha que haver um desfile deles e uma competição de melhor representação do personagem e figurino. Algo altamente valorizado em eventos como esse. O Dumbledore era uma gracinha e não resisti tirar uma foto dele (mesmo não sendo muito fã do personagem). Havia também Annabeth Chase (Percy Jackson), Katniss Everdeen (Jogos Vorazes), Darth Vader (Star Wars), garotas e mais garotas com os trajes de Hogwarts…Tinha até a Rose Tyler (Doctor Who).

 

Eu torci para o amor da vida do Doctor, lógico, pois para mim ela era a mais criativa, embora os outros possuíssem vestes mais aprimoradas, como os vencedores que representaram a série Game of Thrones e o próprio Dumbledore. Até a galera de G.I. Joe estava de cair o queixo. Isso me deu saudades da época que saia descompromissada na rua com meus trajes de Hogwarts. Não, não é vergonha alheia, que isso fiquei muito claro. Tinha muito orgulho de fazer isso!

 

Estar ali me fez sentir em casa. Estar envolvida no fandom, seja ele qual for, é parte de mim. É uma alegria constante, sem sombra de dúvidas. Toda aquela energia boa, que reúne pessoas que, mesmo com preferências diferentes, conseguem se unir e fazer algo muito bacana. Quase não fui ao evento e, sem sombra de dúvidas, me arrependeria até que o ano que vem chegasse. No meio de tanta gente, encontrei até a turma de Jogos Vorazes que me cederam às fotos na estreia e foi muito legal ser cumprimentada.

 

Foi um domingo bem usufruído (embora tenha postado esse material hoje. Sorry, mas a monografia está acabando comigo), que emendou minha nostalgia pós-fandom.

 

Abaixo, estão algumas fotos do Dia do Fã. No final de semana, postarei um vídeo dos cosplayers.

 



 

Stefs
Postado por:       

       
Aproveite para ler também
Escreva seu comentário antes de ir <3
  • Own obrigada Thays. Eu realmente gostei mto do stand de vcs, ficou um máximo Hahahahaha. Ano que vem estarei lá, COM CERTEZA!

  • Só cheguei a ver esse post agora, muito legal!! =D
    Fico contente que tenha curtido nosso stand, e espero que o Dia do Fã 2013 seja tão bom quanto ^^

    Bjs em nome dos GameMakers BR 😉