Menu:
08/jun

Random You por: Mily Pedrazzi

 

“Sirius e Marlene” é o tipo de shipper que só encontramos em fanfics. Tudo porque os fãs de Harry Potter acharam graça em unir esses dois personagens e darem a eles uma história romântica (que em momento nenhum é citado nos livros, vale lembrar). A ideia de ver os dois juntos me agrada muito, porque para mim o Sirius sempre foi o cara conquistador, que não se importava em magoar ou não o coração das meninas da escola, enquanto a Marlene sempre era mais certinha, melhor amiga da Lily Evans, que parecia não gostar da ideia de se envolver com alguém tão popular e cruel com os sentimentos alheios.

 

Pode ser clichê o papo de ver o garoto incorrigível se apaixonando pela garota comportada, mas de alguma forma isso funciona com eles. Sirius não faz o estilo de pessoa romântica, mas tenho certeza que se esforçou para agradar a Marlene, ainda que ela não apostasse que ele pudesse fazer algo para o bem de outra pessoa. Acredito que, mesmo estando junto com o Sirius, a Lene demorou a acreditar que ele tivesse mesmo mudado e durante um tempo ficou com o pé atrás com essa relação, em uma espécie de autopreservação. Estar apaixonada por alguém que não valia nem o suco de abóbora que tomava todas as manhãs não devia ser fácil.

 

O James e a Lily devem ter cortado um dobrado com os dois. Ele tentando convencer o Sirius de que mudar por alguém valia mesmo a pena, e ela tentando convencer a Marlene de que o cachorro tinha mesmo tomado jeito. A história de amor dos dois não durou muito, é verdade. Com toda a guerra e o fato de estarem envolvidos com a Ordem da Fênix, meio que atrapalhou a vida dos dois, mas quando estavam juntos, viviam intensamente o sentimento. Eles eram o tipo de casal que soltava faíscas quando se tocavam. Ele não fazia juras de amor, mas demonstrava o que sentia com suas atitudes. Ela aprendeu a não esperar todas as juras de amor que costumava sonhar receber um dia, assim como aprendeu a se sentir segura ao lado dele e a confiar no que sentia, ainda que não dissesse isso o tempo inteiro.

 

Sirius deve ter dito que a amava pouquíssimas vezes, mas com certeza todas as vezes foram especiais. E Marlene deve ter batido palmas e pulado quando ouviu isso pela primeira vez (depois de ter ficado em choque por alguns minutos, tentando associar a informação). Eles eram improváveis, mas perfeitos um para o outro. Pena que toda a perfeição acabou quando Marlene foi assassinada, Sirius ficou sozinho e, tempos depois, acabou sendo preso.

 

O fim do romance pode ter sido meio dramático, mas os dois são o tipo de casal que você provavelmente vê e fica se perguntando como poderia dar certo, já que não tinham nada em comum (a não ser o fato de pertencerem a mesma Casa em Hogwarts e defenderem seus amigos com unhas e dentes). Eles foram felizes enquanto puderam e, quando essa felicidade chegou ao fim, Sirius carregou por anos aquela história de amor que, por vezes, ele pensava ter acontecido apenas em sua imaginação.

 

Feliz dia dos namorados!

 

 

Imagem: Tumblr

 

So Random: Os atores Ian Somerhalder e Megan Fox foram utilizados para ilustrar o casal, de acordo com a preferência da autora do post (e da dona do blog).

Mily
Postado por:       

       
Aproveite para ler também
Escreva seu comentário antes de ir <3