Menu:
13/set

O post de hoje é direcionado, em grande parte, aos ficwriters de plantão que sofrem com o bloqueio de escritor na hora de escrever um capítulo novo para uma fanfic. Como integrante do grupo de escritores de ficção de fã, há momentos em que a inspiração vem com tudo, da mesma forma que ela simplesmente desaparece. Sem contar aqueles dias rendidos ao pijama, sem vontade de fazer nada, e que poderiam ser muito bem usufruídos para escrever algo novo a ficar deitado na cama em estado vegetativo.

 

Quando o bloqueio de escritor vem, pouco adianta anotar inúmeras ideias no Word, na agenda, no guardanapo, na parede, pois a história simplesmente para de funcionar. Deixar para escrever depois, em algum futuro bem distante, também é outro dilema que não só os ficwriters sofrem, como também escritores de primeira viagem. Se você trabalha a semana toda, a situação fica mais tensa, pois a falta de tempo acarreta no desespero de correr atrás do prejuízo para relembrar onde a história havia parado para recomeçar.

 

A preocupação e a necessidade de escrever se tornam maiores quando você recebe muitas reviews (comentários) e, por culpa da demora na atualização da fanfic, os ficwriters simplesmente param de recebê-las. É óbvio que a demora em postar um capítulo novo diminui o interesse pela fic. Mas, às vezes, nem com a abstinência de comentários os escritores de ficção de fã se encorajam para deixar os textos em dia.

 

Você pode escrever, reescrever, apagar e xingar todos os hipogrifos existentes no mundo mágico de Harry Potter. No fim do dia, lá estamos nós, ficwriters frustrados, grudados na frente da tela do computador, esforçados em querer o próximo capítulo da fanfic pronto, mas o bloqueio de escritor impede que isto aconteça.

 

De acordo com Rosanne Bane, autora do livro Around the Writer’s Block: Using Brain Science to Solve Writer’s Resistance, o segredo para reverter o bloqueio de escritor é dedicar 15 minutos, todos os dias (se possível), para se envolver na construção da história, a fim de garantir o progresso do texto.

 

Em casa ou no trabalho, utilize o artifício que Bane batizou de 15 minutos mágicos para pensar, exclusivamente, na sua história. Despender esse tempo fará com que você não se sinta tão culpado por ter empacado na produção da fanfic ou da história original. Nesse pequeno período, novos plots poderão ser pesquisados, como também a criação de cenários e personagens. Sabe a internet? Ela pode ser a melhor amiga do projeto, por ser uma ótima fonte de pesquisa para a construção do enredo.

 

Para ajudar aqueles que sofrem com o bloqueio de escritor, Bane desenvolveu 10 dicas importantes que dão ênfase à importância dos 15 minutos mágico.

 

1. Uma das partes mais importantes do cérebro que favorece a criatividade do ser humano é o córtex cerebral. Enquanto ele estiver no comando, você terá a habilidade de se entregar ao processo criativo e honrar os compromissos destinados a escrever. O plano de sentar e digitar por horas pode não ser o ideal, pois leva a exaustão. Dessa forma, os 15 minutos mágicos serão lindos para que haja progresso, sem que ninguém arranque os olhos e os dedos.

 

2. Sabe a primeira Lei da Inércia? O mesmo é válido para escritores, ou seja, se você não escreve, você continuará sem escrever. A criação sempre parte de alguma experiência da vida, de observações, de percepções, de ideias, da inspiração criativa e da experiência na escrita. Se você faz algo em 15 minutos, só o fato de ter começado, lhe dará um gás para continuar a produzir.

 

3. O poder do hábito condiciona o comportamento para realizar a mesma atividade, sem resmungar, todos os dias. Se você se encoraja e se compromete a escrever por um determinado período, a atitude virará um forte hábito e rascunhar as ideias será uma tarefa automática. Que tal parar por 15 minutos e fazer com que seu shipper se beije logo?

 

4. Na vida real, é bem mais fácil participar de encontros, reuniões ou palestras de curta duração. Em eventos longos, há quem acredite que o rendimento será melhor e que sairá de lá expert em algo. Porém, é provável que você procrastine e se distraia por estar preso a mesma coisa por horas. Além disso, sempre haverá alguém para te interromper várias vezes. Escrever em curto espaço de tempo, progresso garantido!

 

5. A repetição simplifica os planos e as pausas curtas serão mais fáceis de cumprir. Quanto mais você honrar o compromisso de escrever no decorrer dos 15 minutos mágicos, ou um pouco mais, o escritor se sentirá confiante por ter honrado a meta traçada. A repetição de uma rotina pode ser uma grande aliada, pois reforçará o poder do hábito ao trabalhar na fanfic ou no livro em processo de produção.

 

6. Lute contra a Lei da Inércia. Muitos escritores sofrem com a ansiedade antes de começar o trabalho e, por vezes, esquecem plots devido à emoção do momento. Quanto mais pensamos no desafio de escrever, mais haverá resistência. A enrolação é o inimigo dos escritores, pois enquanto eles acham que estão prestes a começar algo, tenho certeza que muitos passeiam no e-mail, no Twitter, no Foursquare, no Instagram, no Facebook, antes de colocar as palavras no documento do Word (e se colocar!).

 

Escrever por 15 minutos diminui a sensação de dificuldade e aniquila, aos poucos, a resistência em começar um processo criativo na escrita.

 

7. Keep calm and chute a ansiedade e repita o mantra de Bane: são apenas 15 minutos. Eu posso fazer isso. Não há nada o que temer. Piegas, né? Mas há pessoas que precisam de uma frase de efeito para se mexerem. Um compromisso que acontece em pequeno espaço de tempo diminui as expectativas com relação ao texto, porque você trabalhará por um período bem curto. Não pire se, em um dia, o capítulo ficar imperfeito ou incompleto.

 

Concentre-se no progresso e aceite os erros, pois eles fazem parte do processo criativo.

 

8. Ao se entregar aos 15 minutos mágicos, você terá consciência de que o tempo para escrever não lhe dará um capítulo inteiro, por exemplo. Tudo será escrito em fragmentos, por mais que o autor esteja acostumado a fazer um texto com mais de 20 páginas (meu caso). Ir devagar é um processo positivo, pois em tarefas breves é mais fácil imaginar um final. Se a sua imaginação for fértil, o início do projeto será muito mais tranquilo.

 

9. Saia da cilada da procrastinação, morgação, enrolação, etc. Ao se concentrar por 15 minutos naquilo que gosta, as justificativas para se ausentar em certos compromissos são válidas e justificáveis. Se impor para cumprir o compromisso de escrever é a meta. Acredite, as pessoas podem esperar por você nesse curto espaço de tempo, assim como a louça que está na pia.

 

10. Aproveitar o melhor dos 15 minutos mágicos só tem lógica se você gosta de escrever. Ao abrir mão de outros assuntos e encontros para se dedicar ao período de produção, fará com que nada mais chame sua atenção. Concentre-se no objetivo! A partir do momento que o escritor desliga-se de fatores alheios, ele se sentirá melhor ao ver as palavras fluírem no Word ou no pedaço de guardanapo. Pare de compartilhar fotos bobas no Facebook e entregue-se ao mundo da ficção!

 

Sabe o papo da recompensa? Pense nas reviews! Se você acha essa afirmação absurda, conte-me mais sobre colocar na nota do autor: “reviewssss, pleaseeeeeeeeee!”.

 

Nas palavras de Bane, o compromisso com a tarefa de escrever deve ser feita em 15 minutos, seis vezes por semana. Está perdido? Organize um cronograma com as tarefas do dia e reserve o tempo mágico para focar na produção da história. Ao escrever em um tempo reduzido e dar voz ao processo criativo, você cumprirá os objetivos com mais facilidade e chutará o bloqueio de escritor para longe.

 

O processo de escrita criativa também ajuda bastante, vai a dica!

 

Eu foquei esse post nos ficwriters, pois os conheço aos montes, mas as dicas também são válidas para escritores ou aspirantes que querem criar uma história original.

 

Está lançado o desafio dos 15 minutos mágicos. Quem mergulhar de cabeça contra o bloqueio de escritor com as dicas de Bane, conte na página do Random Girl no Facebook.

 

Nos vemos no próximo post!

 

 

xxx Nota da Random Girl:  link que inspirou o post| Imagens: Tumblr

Stefs
Postado por:       

       
Aproveite para ler também
Escreva seu comentário antes de ir <3