Menu:
05/jun

A estreia de O Grande Gatsby no Brasil acontecerá na sexta-feira (07) e, mesmo sendo sempre um dos últimos a receber filmes do circuito estrangeiro, meio mundo deve ter percebido que a moda dos anos 20 voltou à tona graças à nova adaptação cinematográfica do livro de F. Scott Fitzgerald. Tecidos de seda, pérolas e o estilo flapper ou melindrosa retornaram com um buzz de peso. O toque moderno do diretor Baz Luhrmann, que também assinou Romeu + Julieta e Moulin Rouge, contribuiu para o retorno de estilos típicos desta época.

 

A moda dos anos 20 mudou depois da Primeira Guerra Mundial e teve como berço a tão amada Nova York, cidade que passou por grandes mudanças econômicas e sociais até atingir a crise de 29. Os homens deixaram os fraques de lado para usarem ternos junto com gravatas borboletas (o 11º Doctor ficaria orgulhoso disso) e as mulheres resolveram ser um pouco mais rebeldes e libertinas ao adotarem o estilo flapper, sem vergonha de rodopiarem livres e belas pelos salões de festas da alta sociedade.

 

Não podemos nos esquecer de outros acessórios que fizeram as mulheres mais charmosas como os chapéus clochê, as madeixas bem curtinhas e a maquiagem marcante. Para dar apoio a essa evolução fashionista, não posso deixar de citar Coco Chanel, a estilista francesa que foi a voz do estilo boyish e uma das responsáveis pela transformação da moda feminina no século 20, época que inspirou a história de Daisy e Gatsby.

 

E é sobre esse estilo que falarei hoje aqui no blog!

 

A moda boyish consiste na troca de trajes femininos pelos masculinos, como a camisa social e a gravata, tudo com um toque de simplicidade. Isso não significa adornar o guarda-roupa com peças do namorado. Por mais que seja um estilo despojado e desportivo, ele precisa ser bem elaborado. Querendo ou não, e por mais largado que o estilo boyish possa aparentar, nenhuma mulher quer ser a deselegante da festa, né?

 

Coco Chanel sempre teve como principal ponto de partida para desenhar roupas a confortabilidade. A estilista elaborava um figurino de maneira que ele desse as mulheres braços e pernas, ou seja, roupas que propiciassem o movimento. Como uma dama poderia dançar de espartilho em meio à festança do século 20, né? Seria impossível! Por isso, as melindrosas e a moda boyish bombaram por simbolizarem o “fim” da escravidão aos vestidos longos e aos espartilhos.

 

Há boatos que o estilo boyish começou quando Coco usou um suéter masculino e um cinto. Verdade ou não, a estilista foi responsável em iniciar um rebuliço no mundo da moda no século 20 e quebrou paradigmas ao lado da moda flapper. Com essas duas maneiras de se vestir, a mulherada se sentiu mais independente para trajar o que bem entendesse, sem deixar de ser feminina.

 

Adotar o jeito boyish de ser é pensar nas roupas masculinas para vestir e na feminilidade para se apresentar.

 

Moda boyish na prática

 

Uma celebridade que tem o costume de respirar o estilo boyish é Kristen Stewart, que já apareceu em muitas festinhas e premiações com roupas masculinas misturadas com femininas. Ela ganha espaço aqui no Random Girl justamente por saber adotar o figurino e, vamos admitir, combina bastante com o jeito moleca dela. Sem dúvidas, é uma maneira da atriz se expressar e, vez ou outra, ela acerta. Vamos conferir alguns looks da KStew?

 

 

Sem dúvidas, o destaque da moda boyish vai para as camisas sociais masculinas e as gravatas (especialmente as borboletas). Os terninhos também podem ser usados, ainda mais para quem teve a sorte de nascer alta como a Blake Lively. Nas fotos acima, KStew abusou de peças sociais masculinas, mas sem largar de mão o poder da maquiagem e do saltão.

 

Dentre outras celebridades que já desfilaram com o estilo boyish por aí estão as lindas da Diane Kruger e da Carey Mulligan, que estrela a nova adaptação de O Grande Gatsby como Daisy. Vejam como ficou o look de cada uma:

 

 

Embora não estejam nas fotos, outras peças que marcam o estilo boyish são os suéteres masculinos e os sapatos Oxford. Para visualizar melhor esse conjunto, destaco a personagem Spencer Hastings de Pretty Little Liars, interpretada pela minha querida Troian Bellisario.

 

Foto retirada do site Polyvore

 

Para adotar o estilo boyish basta ter muita criatividade e bom senso, como tudo no mundo da moda. KStew usou a parte de cima do terno, Diane usou shortinho com camisa e gravata borboleta e Carey fez um look social completo. Dá para usar essas três variações e ser muito feliz!

 

Alguém arriscaria?

Stefs
Postado por:       

       
Aproveite para ler também
Escreva seu comentário antes de ir <3
  • heyrandomgirl

    Mammyyyyyy! Os blazers são essenciais, preciso até comprar uns novos Hahahahaha

    Beijos, gata!

  • Thuany Ramella

    Sou adepta dos blazers, adorei mammy!