Menu:
06/mar

Eliza Dushku é THAT GIRL e arrasa porque, em Hollywood ou na vida real, não se sujeita ao papel de mocinha indefesa.

 

Eliza Patricia Dushku é capricorniana nascida no dia 30 de Dezembro de 1980, em Massachusetts. Ela tem 34 anos, 1,65m de altura, e eu tenho certeza que você a conhece. Eliza fez sua carreira com papeis “badass” em filmes de terror/suspense adolescente, como Alucinação e Pânico na Floresta. Porém, foi na pele da Faith, da série Buffy: a Caça-Vampiros que ela conquistou a grande maioria dos seus fãs. Eu, inclusive.

 

Mas, mesmo antes de ficar marcada como a “rogue slayer”, a dona das covinhas mais perfeitas de Hollywood (babo muito ovo mesmo!) já havia estrelado como a filha do Arnold Schwarzenegger e da Jamie Lee Curtis no filme True Lies e atuado com a Juliette Lewis em Aquela Noite. Se você não viu nenhum desses filmes, por favor, dê um jeito na sua vida. Outro filme obrigatório dos anos 90 é Bring It On (As Apimentadas, no Brasil), no qual Eliza viveu a Missy, a revoltada transferida de outra cidade que acaba entrando no meio das cheerleaders.

 

Além dos filmes, ela protagonizou duas séries da FOX após o final das queridas Buffy e Angel. Em Tru Calling, Eliza foi Tru Davies, uma estudante que descobriu o dom de reviver o dia para ajudar os mortos. E, em Dollhouse, Eliza foi Echo, uma das bonecas vazias a serem preenchidas com memórias e personalidades conforme o desejo dos clientes. Ambas as séries tiveram pouca duração, mas foram um bom consolo para os órfãos da Faith.

 

Já reconheceu a menina?

 

“You know, I really am probably one of the sweetest, most sensitive people you’ll ever meet.”

– Eliza Dushku

 

Drama Queen, ativista e estudante

 

Caçula de três irmãos, Eliza chamou atenção de Hollywood quando foi acompanhar um deles para uma audição. Ela se machucou e deu o maior espetáculo do mundo, fazendo com que todos os produtores se virassem para ela. Pronto, sua carreira havia começado. O apoio e a companhia da família sempre foram coisas muito importantes para Eliza, que não consegue ficar longe deles por muito tempo e vive postando fotos com os sobrinhos no Instagram.

 

Como a Faith apareceu em sua vida quando ela estava prestes a entrar na universidade, Eliza teve que cancelar seus planos naquele momento. Ela teve, aliás, que ser emancipada para poder trabalhar todas as horas necessárias no set. Por consequência, o Joss Whedon (criador de Buffy e Angel) se tornou um grande amigo em Los Angeles, como se fosse mais um de seus irmãos. Em suas próprias palavras, Whedon “é a única pessoa [em LA] em quem eu sempre confiei com todo o meu coração, porque ele nunca me decepcionou”. Foi dessa amizade que surgiu Dollhouse, que ele escreveu sob medida para ela.

 

Além do Joss, outros companheiros do “Buffyverse” se tornaram grandes amigos, como a própria Sarah Michelle Gellar, o David Boreanaz e a Julie Benz. Eliza não esquece que foi graças àquelas séries que ela conquistou todo o carinho que recebe hoje. Apesar de ter recusado um spin-off sobre a Faith para poder filmar Tru Calling, ela vive participando de convenções e de eventos por todo os Estados Unidos. E registrando tudo no Insta, para a nossa alegria!

 

Tentando se distanciar um pouco do estereótipo mulher-sensual-lutando-e-segurando-armas, ela passou os últimos anos mais focada em comédias, fazendo dublagens para videogames e viajando para Uganda pelo THRIVEGulu, uma organização dedicada a ajudar sobreviventes de guerra no noroeste do país. No ano passado, ela também foi às ruas de Boston pelo caso Eric Garner, protestar contra a decisão final do júri com o resto do povo. Ontem mesmo, enquanto eu fazia as minhas pesquisas para escrever esse post, ela postou uma foto com a Felicia Day, que estava liderando um live stream para arrecadar dinheiro para a pesquisa e conscientização do Lupus. A mulher não para!

 

Filha de dois professores, a educação sempre foi uma coisa muito importante para Eliza. Incomodada por não ter um diploma universitário e sabendo que poderia fazer muito mais pela THRIVEGulu se tivesse mais conhecimento, no ano passado ela deixou Los Angeles para trás e voltou para Boston para estudar.

 

“Hey! I’m smarter than I was when I woke up this morning…! #education. We need to be better.
Let’s. #KnowledgeISpower”
– Eliza Dushku

 

Five by Five

 

Quando a Eliza precisou se emancipar para poder trabalhar em Buffy, a juíza que assinou o documento disse que só o faria se recebesse uma foto da Faith autografada. Fãs do Buffyverse: nós estamos em todos os lugares.

 

A Faith foi planejada para ter um arco pequeno, seis episódios no máximo. Mas a personagem roubou a cena, conquistando o coração de todos com o seu “five by five”, a resposta automática sempre que alguém lhe perguntava se estava bem. Por isso, depois que sua história acabou na terceira temporada de Buffy, ela acordou (literalmente, #spoiler) na quarta e foi para a primeira temporada de Angel, “acabando” por ali. Ela continuou aparecendo vez ou outra em Angel, e, quando as duas séries chegaram ao fim, ela participou dos últimos episódios.

 

Basicamente uma adolescente revoltada que se tornou uma caçadora descontrolada, usando sua força sobrenatural para o mal, a Faith teve uma história muito mais interessante que as outras personagens. Com o auxílio do Angel, o vampiro com alma que passa toda a sua vida imortal tentando se redimir de seus erros, ela tenta se tornar uma pessoa melhor.

 

Irônica, com uma atitude impossível de não amar e os melhores batons escuros da televisão naquela época, a Faith me ganhou de primeira. Ainda assisto a primeira temporada de Angel pelo menos uma vez por ano, só para rever os episódios em que ela aparece.

 

Eliza ARRASA porque…

 

Ela tem cidadania Albanesa.

 

Ela tem TDAH (Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade).

 

Ela tem a voz naturalmente rouca, mas foi aprender a falar mais agudo quando descobriu que as cordas vocais estavam sofrendo.

 

Ela torce pros Red Sox, igual o Tio King!

 

Ela tem uma produtora chamada Boston Diva Productions. Sério… DIVA!

 

Ela está voltando ao gênero terror/suspense com o filme Eloise, previsto para esse ano. Mas também vai aparecer em Ghostbusters 3.

 

Ela é incansável, corre atrás do que quer e luta por um mundo melhor.

 

I have actually peed in the urinal at Fenway [Park – Red Sox Stadium]

– Eliza Dushku

Twitter: @elizadushku
Instagram: @elizadushku

Mônica
Postado por:       

       
Aproveite para ler também
Escreva seu comentário antes de ir <3