Menu:
10/set

Em uma entrevista cedida ao Buzzfeed, em 2013, Rainbow Rowell, autora de Eleanor & Park, Anexos, Fangirl, entre outros, expressou sua visão a respeito de universos fantásticos. No caso, se eles realmente servem como uma válvula de escape para crianças que enfrentam situações difíceis e extremamente delicadas. Porém, o verdadeiro questionamento que fica é: até que ponto uma criança é resiliente? 

 

Resiliência: a capacidade do indivíduo em lidar com problemas, superar obstáculos ou resistir à pressão de situações adversas sem entrar em surto psicológico, dando condições para enfrentar e superar adversidades.

 

Tive o prazer de conhecê-la em Dublin no ano passado. Além de agradecer por suas histórias, relembrei do impacto que essa entrevista causara dentro de mim. Ela trouxe à tona muito de minha infância e adolescência, e, particularmente, concordo com Rowell na afirmação de que crianças seguem adiante, fazem o que for necessário para sobreviver, mas, em determinado momento, se transformam em bombas.

 

Gostariam de saber qual a resposta da autora, quando questionada sobre como neutralizar tal bomba? Esperançosamente, você chega a um lugar que lhe fará se sentir seguro e é aí que tudo sai.

 

You do not write your life with words… You write it with actions. What you think is not important. It is only important what you do.

 

Foi inevitável não lembrar dessa entrevista durante os créditos finais de Sete Minutos Depois da Meia-Noite (A Monster Calls). Uma belíssima história proveniente de uma ideia que, felizmente, encontrou uma nova voz para honrá-la como tanto merecia. Siobhan Dowd a idealizou, mas não pôde dar continuidade devido ao fumegante câncer que tirara sua vida em 2007, após três anos de intensa batalha. Foi então que Patrick Ness, da Trilogia Mundo em Caos, acabou convidado a finalizar esse conto tão peculiar e ao mesmo tempo tão libertador.

 

Ness teve como desafio transformar uma delicada ideia em um livro digno de sua criadora. Hoje, tendo lido a obra e assistido sua adaptação, digo que ele foi bem-sucedido em ambos, considerando que ficara responsável também pelo roteiro do longa-metragem. Outro fator importante que me atraiu para a produção foi a presença do jovem diretor espanhol J. A. Bayona, responsável por dois filmes favoritos pra euzinha: O Orfanato e O Impossível.

 

How does the story begins? With a boy to old to be a kid, too young to be a man.

 

Sete Minutos Depois da Meia-Noite pode ser visto como apenas mais um filme com crianças e a temática do câncer. Porém, sua história é sobre a infância e como nessa fase fantasiamos muito. Fantasiamos com universos fantásticos e com amigos especiais, dentre as diversas situações criadas graças a nossa imaginação. Também fantasiamos que somos fortes e maduros, muito além do que nossa estrutura física e emocional pode suportar.

 

Tais palavras foram ditas em uma das minhas primeiras sessões de terapia, lá em meados de 2009. Partindo desse princípio, e utilizando o sábio conselho de Rowell, cada um de nós pode encontrar um porto seguro. Seja este um castelo mágico, uma sala de terapia ou, no caso de Conor O’Malley, nosso protagonista, suas conversas noturnas com um inusitado visitante. Visitante esse que sempre aparece após a meia-noite. Mais precisamente, sete minutos após a meia-noite.

 

Sete Minutos Depois da Meia-Noite - Conor e Mum

 

Com treze anos recém-completados, Conor acorda mais uma vez assustado com um pesadelo. Algo que seu subconsciente projeta, muito relacionado com a situação que vive dentro de casa. Talentoso para as artes, conhecemos pouco a pouco de sua introspectiva personalidade e é durante uma de suas tentativas de se manter acordado que ele percebe a visita de uma monstruosa árvore teixo, conhecida na Europa Continental como yew tree, que clama estar ali por um motivo. Relutante, o personagem repudia essa presença surreal, pois acredita ser fruto de seus péssimos sonhos. Quando o visitante propõe contar três contos, o garoto, mesmo sem querer demonstrar, embarca nessa jornada que irá transformá-lo de dentro para fora.

 

Meramente porque, desde que a mãe morreu devido ao câncer, Conor se tornou uma figura independente e reclusa. Dessa forma, acompanhamos esse personagem até a revelação de sua verdade, que bate de frente com tudo que ele somatizou e fantasiou durante esse penoso período. Crescente e lento no mesmo compasso, vemos o abandono e a confusão, além de outros sentimentos que movem o menino. Com a ajuda dos contos, a conquista é dar voz ao que se passa dentro de seu coração. Sentimentos que precisam se libertar, pois, resguardados, causam angústia e culpa.

 

Sete Minutos Depois da Meia-Noite - The Monster

 

Sétima arte tem o poder de nos sugar, proporcionando uma imersão de sentimentos. Quando a “bomba” de Conor é acionada, me vi mais uma vez representada. Bom, a mini-me dentro de mim que ficara extremamente mais leve.

 

Ao acompanhar Sete Minutos Depois da Meia-Noite, foi inevitável não recordar de histórias como Jardim Secreto, Ponte para Terabítia, Matilda, entre outros clássicos infantis que trazem mensagens de superação e de evolução. Além disso, a eterna busca de pertencer a algo ou alguém. Tudo isso muitas vezes adquirido por meio dos difíceis testes que a vida coloca à frente desses personagens fictícios que chegam a ser familiares a nós.

 

Liam Neeson majestosamente dá voz ao Monstro. Suas interações com o encantador Lewis MacDougall dão vida a esse conto sobre o encontro da verdade com o perdão. Mesclando fantasia com temas humanos, e difíceis de serem processados na infância, Bayona conseguiu trazer para a tela toda a sensibilidade e a delicadeza presente no roteiro de Ness.

 

Por experiência própria, posso dizer: acredite em sua resiliência. Também acredite em sua capacidade de cura. Acredite que você pode ser uma pessoa forte e corajosa. Sedenta por viver e não apenas um alguém que criou mecanismos para sobreviver.

 

Your mind will believe comforting lies while also knowing the painful truths that make those lies necessary. And your mind will punish you for believing both.

 

Vídeo hospedado no YouTube e pode sair do ar a qualquer momento.

Mari
Postado por:       

       
Aproveite para ler também
Escreva seu comentário antes de ir <3