Menu:
01/fev

Oizinho, preciosos, como vão? Este é aquele textinho para dar boas-vindas ao mês de fevereiro e espero que sua vida esteja tudo nos conformes. ❤

 

Janeiro foi um tempo de reintroduções. Algo que notei apenas quando encerrei o cronograma deste referido mês. Algumas colunas saíram do limbo, como o Diário de Escrita e o Manifesto Aleatório, dois momentos que me deixaram extremamente contente. Um sentimento que também cabe ao retorno (sendo que ela nunca foi embora, ué) da Lady Maricota aka Minha Person, comparecendo aqui todas as sextas. Foi um mês muito produtivo e o saldo é um calendário cumprido com sucesso.

 

Um sucesso que dá empolgação! Por isso, a meta é manter o pique em fevereiro – o mês que nem chegou direito e considero pacas. Há um tantinho mais de expectativa dessa vez devido ao proveitoso janeiro, mas preciso tomar um tantinho de cuidado. Parece tudo perfeitinho, mas confesso que minha saúde mental apitou esses dias. Vi-me em uma estafa emocional que me exigiu um pouco de freio.

 

Sendo que nem corria contra o tempo, pois encontrei um bom ritmo para manter este site atualizado (e o Bela e as Feras também). Em contrapartida, é sempre importante ouvir e obedecer a vozinha no fundo da nossa mente que pede uma pausa. Principalmente se você sente essa “necessidade” de se acelerar, como eu, querendo se atropelar de qualquer jeito para “mostrar serviço”. Houve um momento que nem queria publicar esta cartinha por cansaço. Além disso, por motivos de achar que tudo que fiz se tratou de um esforço em vão. Pensamento que tenta me empurrar para aumentar meu compasso, mas estou aprendendo a recusar.

 

Um dos pensamentos que trabalharei eternamente, fatos reais. Só que cá estamos, né? Venci mais uma tentativa de “deixar para depois” e só quero saber do mesmo ritmo de janeiro. Não me senti desgastada e é isso que importa.

 

Então, o que esperar de fevereiro?

 

AnnaKendrick

 

Provavelmente, mais algumas reintroduções. Conforme a vistoria feita no ano passado, estrelando este site, vi que tem muitas categorias que quero muito reavivar. Consegui fazer isso com sucesso em janeiro e, agora, metade desse foco me acompanhará nos próximos dias. Mais análises profundas vindo a caminho para me fazer dormir à meia-noite – porque peno para revisar os textões.

 

Até onde o cronograma está organizado, será um mês com conteúdo um tantinho focado em cinema/séries. Depois de 84 anos, quero acreditar que a resenha da última temporada de Bates Motel será publicada – e isso me dá uma tristeza porque sinto falta dessa família dissimulada.

 

Há também alguns especiais por vir. Se o nome Anna Kendrick diz alguma coisa, bom, peço que segurem o pensamento (porque vocês ouvirão demais dessa serumaninha nesta casinha). O mesmo vale para The Bold Type que tentarei fazer duas publicações no decorrer deste mês justamente para não conflitar com seu retorno no dia 12 de junho (e, honestamente, mal posso fucking esperar!).

 

E se vocês gostavam da coluna Help, Escritor!, tenho boas notícias. Em algum momento entre o tempo e o espaço ela retornará. O importante é que saibam que manterei a mesma cronologia (e vocês podem dar uma olhadinha nas postagens para se familiarizarem novamente).

 

Bem, penso que é só. A empolgação pouco a pouco retorna e é excelente.

 

Mas, antes de ir, vamos com mais um spoiler? Uma frase para entrarmos no clima de celebrar quem somos. Pode entrar bateria da escola de samba Random Girl.

 

Quando ninguém te celebra, você aprende a se celebrar. Quando ninguém te elogia, você aprende a se elogiar. Não é função do outro te manter encorajada. Está em suas mãos. Encorajamento deve vir do interior.

 

Que fevereiro seja ótimo para nós! ❤

Stefs
Postado por:       

       
Aproveite para ler também
Escreva seu comentário antes de ir <3