Menu:


Arquivo da categoria: 'Livros'
16/jul
What We See When We Read foi o último livro que vi/li. Dizer que ele foi escrito seria uma supersimplificação, sendo assim, me permito dizer que ele foi vislumbrado. Peter Mendelsund, renomado designer gráfico, permitiu com sua criação a análise de diversas percepções ao lermos um livro. Seja pelo uso da...
Mari
Postado por:       

       
06/jun
PARA: vocemesmoqueestalendo@gmail.com   DE: my.happy.ending@gmail.com   ASSUNTO: Como ser quem você é sem ter medo?   Simon vs. a agenda Homo Sapiens tem 272 páginas distribuídas nas dimensões de 21 cm de altura x 14 cm de largura. Se, por acaso, as folhas desprendessem do livro, seria possível construir...
Random Girl
Postado por:       

       
05/fev
Esta resenha/reflexão sobre Frankenstein estava esquecida na minha pasta de arquivos de 2016 (salvo engano) e resolvi publicá-la antes que eu me convencesse de que deveria excluí-la por ter sido deixada de lado por tanto tempo. Tal leitura foi feita no decorrer do clube do livro do I Am That...
Stefs
Postado por:       

       
19/jan
De quando em quando, nos deparamos com pessoas que viveram além de seu tempo. Tais pessoas desafiaram a gravidade. Quebraram barreiras. Exploraram realidades e previram eventos que, hoje, se tornam cada vez mais reais. Nada coincidentemente, existem três autoras que se encaixam nesse perfil.   Suas vozes ecoam dentro...
Mari
Postado por:       

       
05/dez
Scrappy Little Nobody entrou na minha lista de releituras para o futuro. Ele deixou um buraco maior em comparação ao criado após a leitura da autobiografia da Sara Bareilles, verdade seja dita. Reação que me deixou surpreendida mais uma vez porque, como já contei aqui, esse gênero não é...
Stefs
Postado por:       

       
10/out
Ah, mas olhem quem andou lendo biografias. Ela mesma, Stefs Lima. Sempre tenho receio de ler livros desse gênero porque, geralmente, não me agregam. Porém, todavia, entretanto, o que trago hoje agregou demais. Juro que assim que terminei de lê-lo queria ler de novo. As ironias da vida que...
Stefs
Postado por:       

       
03/ago
  Ouço todos os meus amigos perdidos e seus pais perdidos murmurando para mim. Murmuram junto ao próprio respirar da Torre.   É hora de ser sincera. Eu terminei de reler A Torre Negra há quase seis meses, mas fiquei tão abalada e não consegui escrever esta resenha para...
Mônica
Postado por:       

       
123... 10»