Menu:


Arquivo da categoria: 'Narrativas'
23/ago
Esta não é uma cartinha do mês. Na real, é um desabafo tremendo. Não digam que não avisei!   Durante vários meses, eu tentei cumprir um especial sobre o livro da Anna Kendrick. A ideia era refletir sobre meus quotes favoritos, mas não conseguirei fazer isso na prática. Porém,...
Stefs
Postado por:       

       
13/nov
Em algum momento da minha vida, mais precisamente em 2012, li e resenhei O Ano da Leitura Mágica. Um livro que, com a passagem do tempo, acreditei que se manteria esquecido na minha estante, na companhia de tantos outros. Bem, não foi o caso, pois, em fins de março...
Stefs
Postado por:       

       
01/jun
Se você não leu o livro, não leia o post. Tem spoilers (tipo, contar quem é o assassino).  Recentemente, terminei de ler A Garota no Trem, assinado por Paula Hawkins, e me pergunto até agora qual é desse buzz todo. Sinto-me a diferentona por não ter gostado desse livro...
Stefs
Postado por:       

       
17/set
Todo mundo sabe que amo O Apanhador no Campo de Centeio, livro de J.D. Salinger, e sempre que possível dou uma revisitada. Hoje é esse dia, mas focarei em Holden Caulfield, o personagem principal dessa obra – que se você não leu, por favor, compareça.   Nas minhas passeadas pela...
Stefs
Postado por:       

       
15/set
Antes de Rowling ser minha mentora no âmbito escrita, houve outra mulher chamada Nora Roberts. Ela não é tão popular em comparação aos grandes best-sellers (sendo que também é uma), mas, até hoje, sinto dificuldade de encontrar alguém que a tenha lido e amado. Muitas pessoas nem sequer conseguem...
Stefs
Postado por:       

       
15/jul
Ontem cortei a fitinha para a série de mentores que farei aqui no blog e hoje é a vez de uma coluna sobre personagens que me identifico, seja de série, de livro ou de filme, aka spirit animals. Com o buzz da Comic-Con, e com a realidade de que...
Stefs
Postado por:       

       
14/jul
Daqui por diante farei uma série bem light sobre meus mentores literários (e outros mentores, por que não?). Falarei sobre as pessoas que realmente me inspiram a escrever (ou a ser uma pessoa melhor), aquelas totalmente culpadas pela minha tendinite (ou por eu criar demais).   Nada mais justo,...
Stefs
Postado por: